As chuvas do mês de agosto que causaram destruições em municípios de Mato Grosso do Sul, ficaram acima da média histórica, na maior parte do estado. foi o município com maior precipitação, apresentando um acumulado de de 135,8 mm. Em Campo Grande, foi registrada precipitação de 66 mm, representando 110% acima da média histórica. Dados são do CEMTEC (Centro de Monitoramento do Tempo e do de Mato Grosso do Sul).

Nos municípios do sul do estado, ocorreram os maiores acumulados de chuva, variando entre 80 e 120 mm. A média histórica é referente ao registro feito pelo INMET (Instituto Nacional de Meteorologia), na EMBRAPA Gado de Corte, no período de 1961 a 1990.

Quanto à temperatura, no município de foi registrada a maior do ano, atingindo a máxima de 39,2 graus, no dia 22 de agosto. A menor temperatura registrada, no mês de agosto, foi de 9,1 graus, no município de Sete Quedas, no dia 27.

A menor umidade do ar registrada no estado, em agosto, foi de 14%, em Água Clara e Sonora, no dia 10, e em Três Lagoas, no dia 23. A maior rajada de vento observada foi de 92,8 km/h no município de no dia 18.