Os com mais de 80 km/h que atingiram Campo Grande, durante tempestade desta quinta-feira (19), causaram quedas de árvores e danificaram, inclusive, a sinalização semafórica. No total, foram 140 solicitações por quedas de árvores na Capital.

Conforme informou a prefeita Adriane Lopes (PP) durante coletiva de imprensa na manhã desta sexta-feira (20), das 140 quedas de árvores, as equipes removeram 57 das ruas.

Segundo Adriane, as equipes da (Agência Municipal de Transporte e Trânsito) seguem realizando força-tarefa para solucionar os estragos. O foco principal é desobstruir as vias e retomar abastecimento de nos bairros.

Quedas de árvores em Campo Grande

O Jornal Midiamax divulgou o registro de queda de árvore na Rua XV de Novembro, entre a Rua Bahia e a Rio Grande do Sul, uma árvore de grande porte deixou a via sem acesso. Também na região central, na Avenida Afonso Pena, árvores caíram no canteiro, mas não chegaram a atrapalhar o trânsito.

Nos bairros, como no Coophamat, também houve queda de árvore na Rua Tenente Antonio João Ribeiro e aos arredores.

Na principal rua do bairro, a Albert Sabin, quedas de árvores foram registradas durante a ventania, que chegou a 80 km/h durante a chuva. Em outra rua do bairro, na Aniceto da Costa Rondon, árvore caiu e deixou a via fechada.

Saiba Mais