Referência nacional, a Casa da Mulher Brasileira será revitalizada após oito anos desde sua inauguração. A informação foi divulgada pela prefeitura de Campo Grande. A licitação para execução da está em andamento e a abertura das propostas será no próximo dia 8 de dezembro.

Conforme a Sisep (Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos), a revitalização inclui a substituição do piso, forro e reparos na cobertura, portas e janelas. O prédio, localizado no Jardim Imá, também receberá pintura nova.

Conforme a prefeitura, após a definição da empresa vencedora da licitação, será estabelecido prazo para conclusão dos trabalhos, contados a partir da Ordem de Serviço.

Primeira do país

(Henrique Arakaki, Jornal Midiamax)

Inaugurada em fevereiro de 2015, a Casa da Mulher Brasileira de Campo Grande foi a primeira do país, sendo referência nacional pelo pioneirismo nas políticas públicas de enfrentamento à violência contra as mulheres.

O prédio abriga a Primeira Vara Especializada de Medidas Protetivas e Execução de Penas no país, que começou a funcionar em março de 2015. No local também estão instaladas a Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher), Ministério Público, e GCM (Guarda Civil Metropolitana).

O atendimento às mulheres vítimas de violência é prestado 24 horas, todos os dias da semana. Na Casa da Mulher, a vítima recebe apoio psicossocial e tem à disposição alojamento de passagem, onde pode ficar por até 48 horas. Enquanto são atendidas e caso não tenham acompanhante no momento, os filhos menores de 12 anos são acolhidos na brinquedoteca, onde ficam sob o acompanhamento de profissionais especializados.

Saiba Mais