Vacinação contra gripe termina nesta sexta com menos de 40% da meta atingida em Campo Grande

Ministério da Saúde vai definir quando abrirá vacina da gripe aos demais públicos
| 24/06/2022
- 11:15
sala salas vacina
(Foto: Nathalia Alcântara/Midiamax)

Encerra-se nesta sexta-feira (24) a campanha de vacinação contra gripe (influenza) voltada a grupos prioritários em Campo Grande. O encerramento já havia sido prorrogado no início do mês pelo após constatação de baixa adesão por parte da população.

Mesmo com a prorrogação, no entanto, as metas de imunização contra a gripe continuaram abaixo das expectativas. Dados parciais apresentados nesta sexta-feira (24) ao Jornal Midiamax apontam que, entre os públicos prioritários, foram vacinados apenas 38,34% do total, que representa 108.011 pessoas entre 281.732 que poderiam procurar os pontos de vacinação. Os dados refletem tanto a imunização oferecida pelo SUS como doses válidas aplicadas pela rede particular. A meta estabelecida pelo Ministério é de 90%.

Captura de Tela 2022 06 24 a%CC%80s 11.05.26 - Vacinação contra gripe termina nesta sexta com menos de 40% da meta atingida em Campo Grande
Tabela traz índices de vacinação até a manhã desta sexta-feira (24) | Sesau | Divulgação

Dentre os grupos, o maior índice de vacinação está entre trabalhadores de saúde, com 52,81% de imunização, até esta manhã. Na sequência, vêm professores de ensino básico e superior, com 40,77%. Os menores índices estão entre pessoas com deficiência permanente (1,32%) e forças armadas (5,55%). A pasta alerta, no entanto, que os índices podem mudar até o fim desta sexta-feira.

A Sesau destaca que, somente em 2022, foram registradas 37 mortes por H3N2, a maioria ocorrida no mês de janeiro, após um surto atípico do vírus no entre o final de 2021 e o início deste ano. Daí a importância de se vacinar, já que o imunizante disponibilizado gratuitamente no SUS (Sistema Único de Saúde) protege contra três dos principais vírus circulantes, o H1N1, H2N3 e Influenza B.

“A vacina da gripe que está sendo aplicada nesta campanha já está atualizada e previne justamente contra esta cepa do vírus circulante. Quando a população deixa de se vacinar, facilita a circulação do vírus naquele território, e foi exatamente o que aconteceu entre dezembro do ano passado e janeiro deste ano, quando foram registrados a maior parte destes óbitos”, destacou neste mês o titular da Sesau, José Mauro Filho.

Ampliação do público-alvo

Com o fim do novo prazo, a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) informou o Jornal Midiamax que aguarda normativa federal para saber se a campanha da imunização contra a gripe será aberta aos demais públicos — o que é a tendência, conforme ocorreu nos demais anos.

Contudo, de acordo com a assessoria, a Sesau ainda avalia quando a aplicação será retomada. Considerando que, aos sábados, o quantitativo de funcionários nos postos de plantão é muito baixo para um eventual aumento de demanda, a aplicação dos imunizantes para toda a população — se autorizada — deve ser iniciada somente a partir de segunda-feira (27).

Quem já pode se vacinar contra a gripe?

Atualmente, a imunização contra a gripe em Campo Grande está disponível em todas as UBSs (Unidades Básicas de Saúde) e UBSFs (Unidades Básicas de Saúde da Família), nas salas de vacinas, abertas das 7h30 às 11h e das 13h às 16h45. Até esta sexta-feira, podem procurar pela vacina exclusivamente os grupos abaixo:

  • Gestantes;
  • Puérperas (até 45 dias pós parto);
  • População indígena;
  • Pessoas com comorbidades e as que tenham deficiências permanentes;
  • Caminhoneiros;
  • Trabalhadores do transporte rodoviário de passageiros;
  • Trabalhadores portuários;
  • Forças de e salvamento;
  • Forças armadas;
  • Funcionários do sistema penitenciário.

Também estão aptos à vacina, na fase de grupos prioritários, população privada de liberdade e jovens em cumprimento de medidas socioeducativas, que recebem as doses nas respectivas instituições de custódia.

Veja também

Ninguém acertou o concurso 2.509 da Mega-Sena que poderá pagar R$ 27 milhões no próximo...

Últimas notícias