Universidade Federal concederá bolsas para estudar impactos da pandemia nos presídios de MS

UFF selecionou outros dois projetos que também abrangem impactos da pandemia na sociedade
| 11/05/2022
- 14:03
Universidade Federal concederá bolsas para estudar impactos da pandemia nos presídios de MS
Imagem ilustrativa - (Foto: Divulgação/Agepen)

Projeto que estudará o impacto da covid-19 em sistemas prisionais e socioeducativos de foi selecionado pela UFF (Universidade Federal Fluminense) para programas de mestrado, doutorado e pós-doutorado.

Além deste projeto, que estudará Mato Grosso do Sul, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul, outros dois projetos foram selecionados:

  • Desenvolvimento de um nanoimunoteste rápido de antígeno SARS-CoV-2
  • Legado pandêmico: plataformas audiovisuais viabilizam projetos remotos

Conforme o Governo Federal, a Capes (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior) irá conceder 12 bolsas de mestrado, nove de doutorado e oito de pós-doutorado e mais R$ 300 mil em recursos de custeio para a UFF, que selecionou os projetos.

O projeto que estudará Mato Grosso do Sul pretende diagnosticar os impactos da recomendação 62 do Conselho Nacional de Justiça, que pediu adoção de medidas preventivas à propagação da infecção pelo novo coronavírus – Covid-19 no âmbito dos estabelecimentos do sistema prisional e do sistema socioeducativo.

Segundo o reitor da , Antonio Claudio, a instituição procura desenvolver a interdisciplinaridade. “Veja o projeto sobre plataformas audiovisuais. É transversal. Afeta a todos. Todas as áreas precisaram se reunir a distância, trabalhar de forma não presencial”, observa.

Veja também

Reativação dos quase 2 mil quilômetros do trecho ferroviário irá custar cerca de R$ 15 bilhões

Últimas notícias