Secretaria mobiliza 150 pessoas para doação de sangue no Hemosul em Campo Grande

A campanha foi intitulada de “Comunitário Sangue Bom”
| 26/02/2022
- 20:09
Secretaria mobiliza 150 pessoas para doação de sangue no Hemosul em Campo Grande
Divulgação/PMCG

O Hemosul recebeu nessa sexta-feira (25), durante a campanha da Suasc, 167 doadores de sangue, incentivados pela iniciativa. Intitulada “Comunitário Sangue Bom”, a ação serviu para celebrar o primeiro aniversário de criação da SUASC (Subsecretaria de Articulação Social e Assuntos Comunitários).

Michelle Vaz, servidora e moradora Jockey Club é doadora desde 2017. “Sempre faço , pois isso me deixa feliz por saber que estou ajudando a salvar a vida de outras pessoas. Recomendo que todas as pessoas doem sangue, para saberem como é a sensação de poder fazer o bem”, disse.

A grande procura não desanimou quem estava esperando sua vez chegar. De acordo com a coordenadora de Mobilização da SUASC, Roselaine Pleutin, a quantidade de sangue recebida vai ajudar muitas pessoas. “Cada bolsa tem possibilidade de ajudar quatro pessoas. Com a quantidade de doadores, cerca de 600 pessoas poderão ser beneficiadas e isso não tem nada que pague. Quem não pôde doar hoje, poderá vir doar até sexta-feira em nome da SUASC.” disse Laine, como prefere ser chamada.

O Hemosul recebe diariamente doadores para aumentar seu estoque e para o ato, basta o interessado ter entre 16 e 69 anos, sendo que dos 60 aos 69 anos, a pessoa só poderá doar se já tiver feito alguma doação antes dos 60. Precisa também pesar, no mínimo, 50kg e estar em bom estado de saúde, descansados (as) e não ter ingerido bebidas alcoólicas nas 24 horas anteriores à doação, não estando em jejum também. Para doar, basta estar com o documento de identidade com foto e apresentar na hora.

A campanha continuará até a próxima sexta-feira (04), e vem ao encontro com as ações realizadas pelo Hemocentro de Campo Grande, que fica localizado na Avenida Fernando Correa da Costa, 1304 – Centro, que mantém campanhas contínuas para sensibilizar e ampliar o número de voluntários doadores na cidade.

O Subsecretário enfatiza que a ação precisa ser prioridade nesse momento de tanta necessidade dos bancos de sangue. “Estamos fazendo nossa parte como servidores e cidadãos. Quem puder, deve participar não só agora, mas sempre que for possível. A SUASC está apenas dando o primeiro passo”, enfatizou.

Veja também

Últimas notícias