Moradores contemplados com moradias do Residencial Canguru recebem chaves nesta quinta

O evento da entrega de 300 apartamentos acontece nesta manhã de quinta-feira, com a presença do Presidente Jair Bolsonaro
| 30/06/2022
- 10:14
Moradores
Jorgina Crispim Paiva, de 64 anos, conta que morava às margens de uma rodovia. Foto: Graziela Rezende/Midiamax

Famílias do Residencial Canguru já estão na expectativa de entrarem em suas tão sonhadas moradias. Na manhã desta quinta-feira (30), os moradores acordaram cedo para buscar as esperadas chaves do novo lar. O da entrega dos 300 apartamentos acontece nesta manhã, com a presença do Presidente Jair Bolsonaro (PL).

Hernandes dos Santos, de 23 anos, explica que está desempregado e há 5 anos reside em uma favela, localizada no Bairro Mário Covas. Aguardando o sonhado apartamento, Herculano diz que não vê a hora de estar na nova residência.

personagem1 - Moradores contemplados com moradias do Residencial Canguru recebem chaves nesta quinta
Hernandes e a no Jardim Canguru. Foto: Graziela Rezende/Jornal Midiamax

“Estou há quatro anos na espera e estou na expectativa. É muito ruim morar em favela, moro com a esposa e meus filhos. Estou na esperança de receber minha chave. Me ligaram e perguntaram se eu poderia contar a minha história durante o evento e eu disse que sim. Vamos esperar, mas estou muito feliz”, disse.

personagem2 - Moradores contemplados com moradias do Residencial Canguru recebem chaves nesta quinta
Foto: Graziela Rezende/Jornal Midiamax

Evelyn Vieira da Silva, de 28 anos, também está desempregada e tem quatro filhos. Contente com o grande dia de receber as chaves, ela acredita que a vida vai melhorar e muito na nova residência.

“Vivo em um lugar que tem terra e meus filhos sempre ficam doentes com baixa imunidade. Estou muito feliz hoje. É muito gratificante estar aqui e espero receber as minhas chaves”, destacou.

A doméstica, Jorgina Crispim Paiva, de 64 anos, conta que morava às margens de uma rodovia, onde tem muitos insetos. A idosa ressalta que hoje é um dia de festa e que só tem motivos para agradecer.

“Imagina morar há muitos anos na beira da pista como eu. Na minha casa aparece cobra, aranha e tomo água de poço. É muito difícil, mas tenho fé que isso vai acabar. Agradeço a todos que me ajudaram e vou continuar trabalhando”, disse a doméstica.

Residencial

O apartamento tem uma área construída de 47,01 metros quadrados, com dois quartos, sala, banheiro e cozinha e uma área de serviço. Já o condomínio conta com guarita, centro comunitário, playground, quadra poliesportiva, além de vagas de estacionamento por unidade, mais 30 de motos e 15 vagas para visitantes.

Os novos apartamentos fazem parte do programa “Casa Verde e Amarela”, realizada em parceria entre o Governo do Estado, pela Agehab (Agência de Habitação Popular), União e Prefeitura Municipal. Neste projeto, foram investidos R$ 29,094 milhões, sendo R$ 24 milhões do Governo Federal e R$ 5,094 milhões do Estado. A Prefeitura ficou responsável pelo terreno e a implantação da infraestrutura externa.

Com a entrega, somam 4.855 famílias de Campo Grande atendidas pelo Governo do Estado com moradia digna desde 2015. Os contratos com as famílias do Residencial Canguru foram assinados no último dia 15 de junho.

Bolsonaro em Campo Grande

Bolsonaro chega ainda nesta manhã de quinta-feira a Campo Grande. Ele visita a Capital acompanhado do Ministro de Desenvolvimento Regional, Daniel Ferreira.

A agenda terá início às 10h30, quando Bolsonaro se reúne com a prefeita de Campo Grande, Adriane Lopes (Patriotas), e demais membros da comitiva presidencial.

Roteiro da agenda presidencial

O evento deve começar com o Hino Nacional. A primeira a dar um pronunciamento deve ser a prefeita de Campo Grande. Em seguida, o público deve ouvir as palavras do Ministro, Governador Reinaldo Azambuja e, por último, as de Bolsonaro.

Após a entrega, Bolsonaro vai seguir para motociata nos altos da Afonso Pena e seguirá até a Base Aérea. A partida para Brasília está marcada para as 13h10, na Base aérea.

Veja também

Candidatos ainda receberão certificado e auxílio alimentação e transporte de R$ 640

Últimas notícias