Agentes do Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis) seguem com a fiscalização de combate ao uso de inseticidas ilegais em fazendas de Mato Grosso do Sul. Foram apreendidos 107 litros de produtos impróprios para uso.

Segundo o órgão, a operação Ceres, nome dado em referência à deusa romana da agricultura, tem como focos as propriedades de MS que utilizam inseticidas contrabandeados do Paraguai em lavouras.

Nos últimos dias, já foram fiscalizadas 18 fazendas nos municípios de Tacuru, Eldorado, Mundo Novo, Ponta Porã e Japorã. Nessas cidades, foram lavrados quatro autos de infração, com o total de multas aplicadas no valor de R$ 95.000,00.

Segundo o Ibama, algumas dessas propriedades depositavam embalagem a céu aberto, outras armazenavam produtos em lugares inadequados. Em uma delas, foram encontrados agrotóxicos com mais de seis meses de vencimento.

Ainda conforme o órgão federal, pela legislação vigente, os usuários deverão efetuar obrigatoriamente a devolução de embalagens vazias a qualquer posto de recebimento ou centro de recolhimento licenciado por órgão ambiental competente e credenciado por estabelecimento comercial.