Dia Nacional de Combate às Drogas reúne recuperados e até ex-jogador de futebol em Campo Grande

O Dia Nacional de Combate às Drogas é no próximo domingo, mas hoje dezenas de pessoas recuperadas se reuniram na Prefeitura
| 18/02/2022
- 16:31
O encontro
O encontro, realizado pela Subsecretaria de Defesa dos Direitos Humanos conseguiu levar muita música e superação nesta manhã. - Marcos Ermínio/ Midiamax

Dezenas de ex- usuários de drogas se reuniram na manhã desta sexta-feira (18), na Prefeitura Municipal de Campo Grande para comemorar o Dia Nacional de Combate as drogas, que acontece neste próximo domingo (20).

O encontro, realizado pela Subsecretaria de Defesa dos conseguiu levar muita música e superação nesta manhã. Com histórias que facilmente tornariam um roteiro de filme, a manifestação é um alerta para a prevenção, mas também ressalta a importância das pessoas que venceram o vício.

Uma das histórias é a de Jefersson Alves de 42 anos. Ex-jogador de vários times de futebol, há 19 anos ele foi usuário de drogas. Agora, limpo do vício, ele já ajuda outras pessoas na recuperação.

[Colocar ALT]
Jeferson Alves já jogou em clubes de futebol. 

“Já joguei em vários clubes, mas conheci as drogas e minha vida mudou. Cheguei a virar mendigo, mas já estou recuperado e ajudo outras pessoas a ficarem livres dos seus vícios”, disse Jefersson.

Conforme a Subsecretaria de Defesa dos Direitos Humanos, o município oferece 300 vagas para recuperar pessoas em estado de vulnerabilidade que são distribuídas em 11 comunidades terapêuticas, localizadas regiões isoladas da Capital.

Os acolhidos recebem tratamento psicológico e cursos profissionalizantes para serem inseridos no após a recuperação. O tratamento, custeado pelo município, pode durar de nove meses a um ano.

Nesta manhã, os ex- usuários de drogas ou as pessoas que estão em tratamento realizaram apresentações. Um deles é o Marcelo dos Santos, de 40 anos. Usuário de drogas por quase duas décadas, há seis meses ele se encontra limpo do vício e hoje ele se apresentou para pessoas que também estão na mesma batalha.

[Colocar ALT]
Marcelo dos Santos, de 40 anos, usou drogas há 19 anos.

“Ficava na antiga rodoviária usando drogas e hoje estou há seis meses me recuperando. Ainda estou em tratamento, mas vou continuar firme”, disse Marcelo minutos antes de sua apresentação.

A Subsecretaria também mantém parceria com a SAS (Secretaria de Assistência Social) e o Sistema S, que oferece cursos aos acolhidos. Em 2021 foram 900 pessoas acolhidas.

Veja também

O deputado federal Dagoberto Nogueira (PSDB) informou nas redes sociais em relação ao falecimento de...

Últimas notícias