Designação de escolas distantes de casa para alunos da Reme provoca reclamação de pais e responsáveis

Semed explica que sistema designa escola mais próxima, caso as três pretendidas não tenham vagas
| 28/01/2022
- 20:51
Imagem ilustrativa
Foto: Divulgação

O resultado das designações de escolas para estudantes da Reme (Rede Municipal de Ensino) de Campo Grande tem provocado uma onda de reclamações por pais e responsáveis. Segundo os relatos, os pais afirmam que os filhos foram colocados em escolas muito longe da casa, mesmo com a matrícula sendo feita logo na abertura.

"As vagas foram abertas dia vinte à meia-noite. Eu fiz a matrícula da minha filha era meia-noite e vinte e um. Já não tinha mais vagas", disse ela ao . "Eu solicitei a vaga do meu filho à meia-noite e dezesseis do dia 20, quase que instantaneamente à liberação do site. Meu filho foi designado somente no dia vinte e um, às dezesseis horas, para uma escola que não foi a solicitada por mim", reclamou outra.

Em Campo Grande, o sistema foi liberado na quinta-feira (20) e os alunos começaram a receber as designações em dois dias úteis. No sistema da (Secretaria Municipal de Educação), é possível escolher até três opções de escolas, geralmente levando em conta a proximidade da residência do aluno, e a prioridade de matrícula é desses locais. Porém, há casos em que o aluno acaba não conseguindo vagas para as escolas selecionadas. 

Segundo a pasta, em caso de não haver vaga nas unidades, o estudante é designado para a escola mais próxima em que haja vaga disponível e, por esse motivo, o nome da criança acaba entrando sendo 'conduzido' para uma escola mais longe. 

Os pais e responsáveis têm a opção de não realizar a efetivação da matrícula na unidade para a qual o aluno foi designado, e, passado o prazo para efetivação da matrícula, que é de dois dias, eles podem refazer o processo escolhendo a escola desejada. Toda a escolha e consulta da escola onde o filho foi designado é feita no site de matrículas da Semed, neste link

Entretanto, a Semed recomenda que a matrícula seja feita na unidade escolar já designada, pois tentar novamente não garante que a designação seja atendida para a primeira opção. Isto acontece porque a vaga para a escola desejada depende do quantitativo disponíveis, que diminui conforme outros pais fazem a efetivação. 

Outro ponto é que as aulas na Reme (Rede Municipal de Ensino) começam em cerca de duas semanas, no dia 14 de fevereiro. Para que o aluno não tenha nenhum prejuízo escolar, a recomendação é que a matrícula seja feita o quanto antes. 

WhatsApp: fale com os jornalistas do Midiamax

O leitor enviou as imagens ao do Jornal Midiamax no número (67) 99207-4330. O canal de comunicação serve para os leitores falarem com os jornalistas. Flagrantes inusitados, denúncias, reclamações e sugestões podem ser enviados com total sigilo garantido pela lei.

Veja também

O pequeno Rafael, de 5 anos, necessita de um ventilador mecânico para sair do Hospital...

Últimas notícias