Cinco cidades de Mato Grosso do Sul estão na lista de menores umidades relativas do ar registradas nas últimas 24 horas, do Brasil, segundo o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia). O alerta é de variação abaixo de 30%, valor que pode causar desconforto e mal-estar nos moradores.

O levantamento aponta que o município ocupou o 3º lugar de menor umidade com apenas 26%. Em seguida está Costa Rica, Paranaíba, e Cassilândia. Todas abaixo de 30%.

Conforme o Cemtec (Centro de Monitoramento do Tempo e do Clima), a condição permanece no Estado devido à atuação de uma massa de ar seco em grande parte dos municípios de Mato Grosso do Sul.

massa de ar seco que causa umidade
Massa de ar seco registrada no início da semana. (Foto: Divulgação/Cemtec)

Recomendação para baixa umidade do ar

  • Beba bastante líquido.
  • Evite desgaste físico nas horas mais secas.
  • Evite ao sol nas horas mais quentes do dia.
  • Em casos de emergência ou mais informações, entre em contato com a pelo telefone 199 ou no 193.