Agesa vence licitação e administrará Porto Seco de Corumbá por mais 25 anos

Empresa já é responsável pelo local há 30 anos; resultado da licitação foi publicado em Diário Oficial
| 13/05/2022
- 14:12
porto seco de corumbá
Imagem ilustrativa - (Foto: Divulgação/Semagro)

A Agesa (Armazéns Gerais Alfandegados de Mato Grosso do Sul) venceu o processo de licitação para controle do Porto Seco de , o principal e mais movimentado do Estado. O resultado da concorrência nº 1/2022 da Receita Federal foi publicado nesta quinta-feira (12), no Diário Oficial da União.

A empresa que já administrava o porto há 30 anos agora terá um prazo da nova concessão de mais 25 anos. Conforme o edital, foram definidas algumas exigências de adequação do movimento comercial, bem como a criação de uma estrutura modal mais eficiente para o transporte ferroviário.

Pelo processo, a atual estrutura precisará passar de 29 mil m² para 100 mil m².

O secretário da Semagro (Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Familiar), Jaime Verruck, destacou que o Porto Seco de Corumbá é fundamental para o processo de importação e exportação Brasil - Bolívia.

“São cerca de 700 caminhões por dia. A Receita Federal fez um processo permitindo que a Agesa participasse e oferecesse o local dela. Agora nós inserimos uma lógica na época que o Porto Seco deveria ter um ramal ferroviário”, acrescentou.

Veja também

São elegíveis para receber as doações os órgãos e entidades da União

Últimas notícias