Cotidiano

Hemosul segue com estoques em situação crítica e faz apelo por doações nesse sábado

Hemocentro coordenador e de Dourados abrem neste sábado

Fábio Oruê Publicado em 29/05/2021, às 07h43

Estoques de sangue baixos pode gerar problemas por conta da demanda
Estoques de sangue baixos pode gerar problemas por conta da demanda - Foto: Divulgação

A Rede Hemosul (Hemocentro de Mato Grosso do Sul) vem enfrentando grandes desafios de manter os estoques de sangue com saldo positivo desde o começo da pandemia, com baixas de até 40% nas doações diárias.

A instituição informou que no ano de 2020 as doações diminuíram em 5 mil bolsas, comparado com o ano de 2019. “Essa queda de 5 mil bolsas no ano de 2020 representa 10% das doações do ano todo. Um número bastante expressivo, principalmente quando estamos enfrentando uma pandemia onde em alguns casos também há necessidade de transfusões de sangue", disse a Coordenadora Geral da Rede Hemosul Marli Vavas.

"Nós estamos reforçando e fazendo pedido para a população continuar vindo ao Hemosul, compartilhar nas redes sociais e convidar os amigos para mantermos essa rede de solidariedade e seguirmos ajudando a salvar vidas”, pediu Vavas. 

O Hemosul Dourados abre no último sábado de todo mês e estará aberto hoje (29) das 7h às 12h. Já o Hemosul Coordenador, em Campo Grande, que abre todos os sábados, também funcionará das 7h às 12h.

A necessidade atuais de doação são para as tipagens:

Jornal Midiamax