Cotidiano

Bituca de cigarro causa incêndio em área de pastagem e autor é preso

Um homem de 45 anos foi preso em Dourados, a 225 km da Capital, por provocar incêndio em uma área particular. Com a chegada do tempo seco, as queimadas estão cada vez mais comuns, mas é preciso tomar cuidado, já que uma simples bituca de cigarro pode levar o autor para a delegacia. Segundo apuração […]

Mylena Rocha Publicado em 02/07/2019, às 10h31

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação - Foto: Divulgação

Um homem de 45 anos foi preso em Dourados, a 225 km da Capital, por provocar incêndio em uma área particular. Com a chegada do tempo seco, as queimadas estão cada vez mais comuns, mas é preciso tomar cuidado, já que uma simples bituca de cigarro pode levar o autor para a delegacia.

Segundo apuração do jornal local Dourados Agora, o homem foi preso pela equipe da Guarda Municipal, depois que moradores da região denunciaram um homem que estaria agachado causando incêndio de uma área de pastagem seca. O local que fica próximo a uma grande plantação de milho.

O fogo se espalhou rápido em todo o terreno e foi preciso a ajuda do Corpo de Bombeiros para controlar as chamas. Só com a ação dos militares foi possível parar a queimada antes que o fogo chegasse até a plantação.

Os guardas fizeram rondas e localizaram o homem acusado pelos moradores, afirma o Dourados Agora. Abordado, ele afirmou que jogou uma bituca de cigarro acesa no mato seco quando passava por uma estrada vicinal. A bituca teria causado o fogo, que se espalhou rapidamente.

O acusado foi preso por provocar incêndio em patrimônio particular. Ele foi encaminhado até a Delegacia de Polícia de Dourados.

Jornal Midiamax