Vacina contra a gripe será disponibilizada para toda a população a partir de segunda

As doses restantes da vacina contra a gripe estarão disponíveis para toda a população a partir desta segunda-feira (2) em Campo Grande. A decisão foi anunciada pela Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) e as unidades básicas de saúde devem abrir a partir das 13 horas com cerca de 220 doses disponíveis em cada local.
| 29/06/2018
- 13:55
Vacina contra a gripe será disponibilizada para toda a população a partir de segunda

As doses restantes da vacina contra a gripe estarão disponíveis para toda a população a partir desta segunda-feira (2) em Campo Grande. A decisão foi anunciada pela Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) e as unidades básicas de saúde devem abrir a partir das 13 horas com cerca de 220 doses disponíveis em cada local.

De acordo com a Sesau, os profissionais das salas de vacinação podem distribuir senhas correspondentes à quantidade de vacinas disponíveis, além de encerrar a vacinação às 16h45. Para receber a imunização é necessário apresentar a caderneta de vacinação, o número do prontuário da rede municipal de Saúde e o Cartão SUS (Sistema Único de Saúde).

Após dois meses de Campanha de Vacinação, 96,78% do público-alvo foi imunizado em Campo Grande. Até o dia 20 de junho, 191.453 pessoas do grupo de risco foram vacinadas, mas dois grupos recomendados para vacinação não atingiram a cobertura vacinal desejada: crianças de 6 meses a menores de 5 anos, com 76,32% e gestantes com 65,58%. Os idosos, trabalhadores da saúde, puérperas e professores atingiram a meta de vacinação e pacientes portadores de comorbidades atingiram 85,01%, índice considerado satisfatório.

Este fim de semana é a última oportunidade do grupo de risco, além das crianças de 5 a 9 anos e adultos de 50 a 59 anos tomarem a vacina com prioridade. A Sesau disponibiliza as doses em unidades que realizam plantão de imunização: CRSs (Centros Regionais de Saúde) Nova Bahia, Aero Rancho, Tiradentes e Coophavilla II. Nestes locais, as salas ficam abertas das 7h15 às 10h45 e das 13h às 16h45.

(Com informações da Sesau)

Veja também

Campo Grande monitorava 4 casos; três foram descartados e um segue sob investigação

Últimas notícias