Com apoio da ONU, Caravana traz ações de Direitos Humanos à Capital

  “Caravana Siga Bem” deve atender motoristas e comunidades afastadas
| 06/12/2016
- 22:29
Com apoio da ONU, Caravana traz ações de Direitos Humanos à Capital

 

“Caravana Siga Bem” deve atender motoristas e comunidades afastadas

Uma ação que tem apoio da ONU (Organização das Nações Unidas) traz uma ‘caravana’ de ações envolvidas com os até Campo Grande. O projeto já percorreu 100 cidades brasileiras, e na sexta-feira (9) a Capital sul-mato-grossense passa a ser contemplada, com quatro dias de atividasdes.

A ‘Caravana Siga Bem’, deve trazer ações de saúde, lazer, educação e cultura a populações marginalizadas, com maior dificuldade ao acesso aos serviços no dia a dia, como motoristas profissionais e comunidades afastadas dos grandes centros urbanos, conforme explicaram os organizadores.

Na sexta-feira, a caravana acontece, das 13h às 22h, no Posto Locatelli (Rod. BR 163, KM 460,5 S/N), no sábado (10) é o mesmo local. Já na segunda (12) e na terça (13) o projeto é desenvolvido no Posto Caravagio (BR 163, S/N – Anel Rodoviário – Jd Itamaracá), das 13h Às 22h.

Ações

Atendimento na saúde, corte de cabelo, massagem, teatro e shows musicais são algumas das atividades. “Aos motoristas, haverá palestras sobre temas importantes no cotidiano das estradas, como violência no trânsito, exploração sexual de crianças e adolescentes e uso de entorpecentes. Devido ao grande número de homens nesta categoria, o projeto também conversará com este público sobre violência doméstica e a Lei Maria da Penha”, explica a organização.

Um espetáculo teatral, com apoio da ONU, aborda os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e a Agenda 2030 de forma leve. “Ao invés de artistas profissionais, a peça é encenada por caminhoneiros, que sobem ao palco para dialogar, por meio da arte, com seus colegas de estrada sobre assuntos importantes para a cidadania”, contam.

Para o projeto, a natureza itinerante de trabalho faz com que os profissionais das estradas tenham dificuldade em cuidar da saúde. Um estudo da CNT (Confederação Nacional do Transporte), afirma que 55% dos motoristas não têm o hábito de passar por exames preventivos de saúde. Outros 24% utilizam ou já utilizaram medicamentos controlados – 58% para hipertensão e 60% não praticam exercícios físicos -.

 

 

 

Durante o evento, o público pode fazer testes de glicemia, pressão arterial, são vacinados e fazem exames rápidos de HIV e sífilis, além de outros serviços.

Ainda tem concurso para os motoristas profissionais. O ‘Caminhoneiro do Ano’ convidará habitados nas categorias C, D e E a testarem seus conhecimentos. O melhor colocado com um caminhão zero quilômetro, no valor de R$ 350 mil.

De norte a sul do país, a Caravana Siga Bem colocará duas equipes viajando simultaneamente: as Caravanas Eixo Norte e Eixo Sul. A primeira passará para estados das regiões Centro-Oeste, Norte, Nordeste, retornando para São Paulo no fim do projeto. Já a Caravana Eixo Sul circula pelas regiões Sul, Centro-Oeste e Sudeste. Você pode conhecer o roteiro completo aqui.

Veja também

Os lances podem ser dados até o dia 31 de agosto de 2022

Últimas notícias