Depois de quase três horas de protestos, manifestantes deixam frente da Câmara

Comissão vai intermediar negociações com professores
| 19/05/2015
- 18:51
Depois de quase três horas de protestos, manifestantes deixam frente da Câmara

Comissão vai intermediar negociações com professores

Depois de quase três horas termina o protesto realizado na Avenida Ricardo Brandão, no Jatiuka Park, em frente da . Cerca de 600 pessoas, entre elas, artistas, médicos e professores que participavam de uma manifestação na manhã desta terça-feira (19), deixaram o local.

Ao todo foram necessários cinco policiais militares e 60 guarda civis municipais para garantir a segurança durante a manifestação que foi considerada pacífica. Durante o protesto, trecho da Avenida Ricardo Brandão chegou a ser interditado e só foi liberado por volta das 11h15, depois que os manifestantes começaram a se dispersar.

O presidente do ACP (Sindicato Campo-Grandense dos Profissionais em Educação Pública), Geraldo Gonçalves, que estava no plenário, onde outras 520 pessoas acompanhavam a sessão,  afirma que nesta tarde haverá uma reunião entre o Sindicato e o secretário interino da Semed (Secretaria municipal de Educação), Wilson do Prado.

“Queremos propostas, queremos o piso e sem conversa fiada”, afirma. A reunião está marcada para às 14 horas e será acompanhada pelos vereadores professor João (PSDB), José Chadid (sem partido), Coringa (PSD), Herculçano Borges (SD) e Carla Stephanini (PMDB).que participam da Comissão Permanente e Educação e Desporto.

“Essa será uma discussão técnica. Vamos elaborar propostas e depois apresentar. Se o prefeito não quiser aceitar o problema é dele. Estamos tratando o assunto com seriedade”, disse o professor João, presidente da Comissão Permanente e Educação e Desporto.

Veja também

Temporal com ventos e chuva forte destelhou e inundou casas; solidariedade de vizinhos sobressai em meio à dor

Últimas notícias