Instagram lança serviço de assinatura para criadores de conteúdo

O recurso vai permitir a produção de posts visíveis apenas para assinantes, como ocorre no Onlyfans e em outras redes sociais
| 15/07/2022
- 17:25
Instagram lança serviço de assinatura para criadores de conteúdo
Instagram lança serviço de assinatura para criadores (Foto: Stephanie Dias/ Midiamax)

Mais uma novidade do . Desta vez, a plataforma lançou o serviço de assinatura para influencers na rede social. A ideia foi apresentada pela primeira vez no início do ano, quando foi liberada para 10 criadores de conteúdo nos Estados Unidos. A assinatura dará vantagens e conteúdos exclusivos para os assinantes (assim como no YouTube) e será uma nova forma de atrair os influencers para o Instagram.

O recurso vai permitir a produção de posts visíveis apenas para assinantes, como ocorre no Onlyfans e em outras redes sociais. Até então, só era possível esconder conteúdos de pessoas pelos Stories, mas estes não davam a opção de lucrar em cima do formato. Com a mudança, posts tradicionais do feed e Reels poderão ser dedicados apenas a quem estiver disposto a pagar.

Como vai funcionar

Após lançar o Alfa da ferramenta em janeiro, o Instagram foi aos poucos liberando os testes para mais influencers. Agora, com o serviço de assinatura, os influencers terão uma opção de publicar stories somente para seus assinantes, assim como um feed de conteúdo exclusivo para o pagante. Segundo o site Canal Tech, os assinantes poderão acessar esse feed pela sua home ou indo direto no perfil do criador. Haverá também Chats e Reels para inscritos.

Outras "vantagens" para os assinantes estão um selo exclusivo ao lado do nome que será exibido em comentários ou mensagens diretas, acesso a lives exclusivas. Em 2023 o Instagram deve encerrar o pagamento integral da assinatura aos criadores de conteúdo, ficando com uma porcentagem. Agora, a ideia da rede social é ajudar os influencers a ganharem dinheiro através da plataforma.

E qual o valor?

Apesar de assinatura, os conteúdos ainda devem seguir as diretrizes da comunidade, não podendo compartilhar nudez, drogas ou violência sem receber punição. O valor de cada assinatura será definido pelo criador.

Nos Estados Unidos, os influencers poderão cobrar valores entre US$ 0,99 centavos e US$ 99. Não foi divulgado o limite no Brasil.

Confira o vídeo do anuncio

*Com informações do site Canal Tech

Veja também

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) começou a analisar hoje (9) a aplicação da Lei Geral...

Últimas notícias