Após denúncia de assédio, Caixa cancela pronunciamento de presidente Pedro Guimarães

O banco promoverá um evento em Brasília
| 29/06/2022
- 07:30
Após denúncia de assédio, Caixa cancela pronunciamento de presidente Pedro Guimarães
Brasília: Prédio da Caixa Econômica Federal. (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

A Econômica Federal informou que o pronunciamento e a coletiva de imprensa com o presidente do banco, Pedro Guimarães, previstos para a manhã de quarta-feira (29), foram cancelados.

O banco promoverá um evento em Brasília, na Caixa Cultural, para tratar da estratégia da CEF para o Plano 22/23. Além de fazer um pronunciamento, Guimarães responderia a perguntas de jornalistas.

A Caixa não informou o motivo dos cancelamentos. O portal Metrópoles publicou nesta terça-feira que o executivo é investigado pelo Ministério Público Federal por suposto crime de assédio sexual. O Estadão/Broadcast confirmou a existência da investigação.

Veja também

O texto pede ainda revisão dos valores pagos aos hospitais conveniados.

Últimas notícias