Brasil

De cabeça raspada, Eike Batista chega ao presídio de Bangu 9

Ele estava no presídio Ary Franco, onde ficou por 2 horas

Midiamax Publicado em 30/01/2017, às 16h20

None
naom_588f62a8c7dc5.jpg

Ele estava no presídio Ary Franco, onde ficou por 2 horas

O empresário Eike Batista foi transferido para o Complexo Penitenciário de Gericinó, em Bangu, após ficar por aproximadamente duas horas no presídio Ary Franco, na Zona Norte do Rio de Janeiro. O ex-bilionário e agora detento deixou o local já com a cabeça raspada, procedimento comum no sistema carcerário.

Conforme G1, Eike deixou o primeiro presídio a bordo de uma viatura policial e saiu agarrado em um travesseiro. Ele será encaminhado para o Presídio Bandeira Stampa, mais conhecido como Bangu 9.

O dono do grupo EBX não pode ficar em Bangu 8, onde está Sérgio Cabral, por não ter nível superior de ensino. Eike Batista, suspeito de participar de crimes de lavagem de dinheiro e corrupção, foi preso através da Operação Eficiência, um desdobramento da Lava Jato.

Jornal Midiamax