Variedades / Saúde

Saúde tenta evitar corrida em busca de vacina da gripe e sumiço de doses nesse ano

Vacinação ocorrerá apenas nos postos de saúde

Wendy Tonhati Publicado em 05/04/2017, às 14h49

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução - Foto: Reprodução

Vacinação ocorrerá apenas nos postos de saúde

A vacinação contra a Influenza (gripe H1N1) vai começar no próximo dia 17, em Mato Grosso do Sul. Para evitar correria aos postos de saúde e também sumiço de doses, como no ano passado, o Ministério da Saúde encaminhou sugestões aos estados. Nesta quarta-feira (5), o titular da SES (Secretaria Estadual de Saúde), Nelson Tavares detalhou que no Estado, a vacinação deve ocorrer em fases diferentes para os grupos etários, evitando assim, tumulto nas unidades de saúde. 

Conforme Tavares, a SES recebe as doses do Ministério da Saúde e repassa aos municípios. A estratégia recomendada neste ano é de não realizar vacinação volante, como por exemplo, em shoppings e supermercados, e ao realizar a imunização, inserir os dados no prontuário do paciente. 

Fazem parte do público-alvo: pessoas com 60 anos ou mais; crianças na faixa etária de seis meses a menores de cinco anos de idade (quatro anos, 11 meses e 29 dias); gestantes puérperas (até 45 dias após o parto); trabalhadores de saúde; povos indígenas; grupos portadores de doenças crônicas e outras condições clínicas; população privada de liberdade e profissionais do sistema prisional.

Conforme cronograma divulgado pela SES, a vacinação terá início no dia 17, quando irá atender profissionais de saúde e crianças de 6 meses a menores de 2 anos. O Dia D de vacinação será m 13 de maio. 

A segunda etapa começa no dia 24 e serão imunizadas gestantes, puérperas e crianças de 2 anos a menores de 5 anos. Já no dia 2 de maio a Campanha será aberta para os demais grupos.

Jornal Midiamax