Variedades

Garoto de 10 anos descobre falha no Instagram e ganha US$ 10 mil

Problema permitia apagar comentários em outras contas

Norberto Liberator Publicado em 05/05/2016, às 12h48

None
inst.jpg

Problema permitia apagar comentários em outras contas

Jani, um garoto finlandês de 10 anos de idade, recebeu US$ 10 mil – o equivalente a cerca de R$ 35 mil – após descobrir uma falha no sistema de segurança do aplicativo Instagram. Apesar de não poder oficialmente ter uma conta no serviço, já que o Instagram  estabelece idade mínima de 13 anos, ele descobriu um problema que permitia que ele apagasse comentários em contas de outros usuários.

Jani havia descoberto a falha em fevereiro, quando enviou um e-mail alertando o Facebook, detentor do aplicativo. Então, ele teve uma conta aberta por engenheiros do setor de segurança, para testar a tese. Jani comprovou que havia a falha.

Gratificações

Em entrevista à rede britânica BBC, porta-vozes do Facebook declararam que a empresa já pagou cerca de US$ 4,3 milhões para “caçadores de bugs” como Jani, em 2011. Em 2014, foi a vez do brasileiro Reginaldo Silva receber US$ 33,5 mil da rede por identificar uma falha no site.

Os pagamentos para pessoas que descobrem falhas em aplicativos ou sites são comuns em empresas como o Facebook e o Google, e servem como forma de evitar a ação de hackers, para que os usuários que identificam os bugs não usem seu conhecimento para crimes virtuais.

(Sob supervisão de Arlindo Florentino)

Jornal Midiamax