Publieditorial

PMDB-MS pede rompimento com governo federal e condena nomeação de Lula

PMDB-MS requer a entrega dos cargos federais ocupados por indicação do partido 

Midiamax Publicado em 19/03/2016, às 03h01

None
0ad428ae-8dcd-493e-b399-4cec64d89e9b.jpg

PMDB-MS requer a entrega dos cargos federais ocupados por indicação do partido 

O PMDB de Mato Grosso do Sul reafirma a posição manifestada na Convenção Nacional do Partido de imediato rompimento com o governo federal e condena a nomeação do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva, um ato que fere a justiça e é contrário aos interesses do povo brasileiro.

A presidente Dilma Rousseff não tem mais as condições políticas e nem a credibilidade para conduzir o país através da crise, razão pela qual o PMDB-MS orienta a sua bancada no Congresso Nacional a votar pelo impeachment.

Nesse sentido, o PMDB-MS requer a entrega imediata de todos os cargos federais de confiança ocupados por indicação do partido e exige a demissão do deputado federal Mauro Lopes ou sua expulsão do PMDB por descumprir decisão expressa da Convenção Nacional.

Campo Grande, 18 de março de 2016.

Dep. Junior Mochi

Pres. PMDB-MS

Ver. Carla Stephanini

Pres. PMDB Mulher-MS

Maicon Nogueira

Pres. JPMDB-MS

Ana José Lopes

Pres. PMDB Afro-MS

Jornal Midiamax