Servidores da cúpula do TCE-MS são inscritos em concurso para procurador de Contas com salário de R$ 35,4 mil

| 14/07/2022
- 09:02
manifesto TCE-MS
Fachada central do TCE-MS. Foto: Ascom TCE-MS

O TCE-MS (Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso do Sul) divulgou na quarta-feira (13), em diário oficial, o edital com a relação dos candidatos com inscrição deferida para o concurso de procurador de contas substituto do Ministério Público de Contas, cargo cujo salário é de R$ 35.462,28. 

O detalhe é que três servidores da cúpula da corte estão inscritos. São eles Saul Girotto Júnior, Eduardo dos Santos Dionizio e Nery Ramón Insfran Júnior. Saul é auditor estadual de controle externo, está lotado no gabinete do presidente do TCE-MS, o conselheiro Iran Coelho das Neves.

Ele recebeu R$ 21.721,62 líquidos em salário no mês, com todos os descontos conforme dados mais recentes disponíveis no portal da transparência. Nery é auditor de controle externo e está lotado na Corregedoria da Corte com salário de  R$ 13.432,45 líquido recebidos em março. 

O corregedor é o conselheiro Ronaldo Chadid, que preside a comissão de concursos. Eduardo, por sua vez, ocupa cargo de confiança de direção e recebeu R$ 19.484,67 em líquido. Ele chegou a ser diretor-geral do TCE quando o conselheiro Waldir Neves presidiu o TCE-MS.

Polêmicas

Em março, a Justiça mandou a romper com a Prosperitate Consultoria Ltda, contratada sem licitação em dezembro de 2021 para regularização fundiária milionária de 1.396 lotes daquela cidade. O despacho é resposta à ação apresentada pelo MPMS (Ministério Público Estadual de Mato Grosso do Sul). No entanto, adiante o contrato foi retomado por decisão do TJMS.

Entre os cinco sócios da empresa — que aparecem em consulta pelo CNPJ na internet e que são apontados no processo — está Adnan Silva Coelho das Neves, filho do presidente do TCE-MS, Iran Coelho das Neves. O órgão é o responsável pela de contratos do poder público das prefeituras e do Governo do Estado.

Veja também

A 2ª Vara de Direitos Difusos, Coletivos e Individuais Homogêneos negou pedido do ex-prefeito de...

Últimas notícias