O valor do crédito suplementar divulgado pelo Governo de Mato Grosso do Sul nesta quinta-feira (1º), é de R$ 60.648.667,95 e a Sefaz (Secretaria de Estado de Fazenda) fica com a maior fatia, no total de R$ 46.013.850,00.

Na Secretaria de Fazenda, o suplemento de R$ 41.665.400,00 será destinado para planejamento, implantação e gerenciamento dos Sistemas Estratégicos e Tecnológicos para a Gestão Fiscal e Tributária.

Para gestão e Operacionalização da pasta, o valor é de R$ 1.765.500,00; R$ 1.334.950,00 para Estabelecer e Gerenciar Políticas de Tecnologia da informação e Comunicação do Estado.

Consta ainda no crédito suplementar R$ 5.756.900,00 para o FIE-MS (Fundo de Investimentos Esportivo). Já a Semagro (Secretaria de Estado De Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar) tem R$ 1.355.071,95.

Para manutenção do Imasul (Instituto de Meio Ambiente), Fiscalização e Educação Ambiental e gestão de Unidades de Conservação, o suplemento é de R$ 3,2 milhões.

Por fim, a Fundação de Cultura tem R$ 2.500.000,00 para execução de projetos nas áreas de Patrimônio Cultural, Artesanato e Difusão Cultural voltados para Ampliação do Acesso.