De acordo com o coordenador do projeto, Rédel Neres Furtado, os benefícios da Infovia Digital serão de grande magnitude para o Estado, ao proporcionar redução significativa de custos proporcionais de serviços de telecomunicações, inclusão digital, além do aumento da competitividade do Estado.

“Teremos um aumento da velocidade média de transmissão de dados por ponto, passando dos 6 Mbps médios contratados atualmente para 30 MBps efetivos, e o aumento da capacidade total contratada, passando dos atuais 13,7 Gbps para 350 Gbps”, explicou.