A Prefeitura de Campo Grande remanejou R$ 27,1 milhões em verbas para cinco áreas, de acordo com as duas suplementações divulgadas no Diogrande (Diário Oficial de Campo Grande) desta sexta-feira (24).

A maior delas é a de R$ 20.902.000,00, destinada para Agetran (Agência Municipal de Transporte e Transito), FMS (Fundo Municipal de Saúde) e Sisep (Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos).

Segundo o decreto, o remanejamento de verbas é para atender despesas com pessoal e encargos sociais e previdenciários e “à conta de recursos transferidos voluntariamente pela União ou pelo Estado de Mato Grosso do Sul”.

Outra suplementação divulgada é de R$ 6.287.000,00, recurso que vai para FMAS (Fundo Municipal de Assistência Social), SAS (Secretaria de Assistência Social) e Sisep.

A suplementação, termo usado pela administração pública, basicamente, é quando um recurso é retirado de uma determinada área para aplicação em outra, ainda dentro do Poder Público.