O MPMS (Ministério Público Estadual) pagou R$ 124.440,26 em diárias durante o mês de junho, dispensadas a servidores e membros do MPMS. Dentre as despesas, estão R$ 800,13 por três diárias, pagas ao promotor de Justiça que utilizou veículo particular para participar de audiências e manifestar-se em processos e procedimentos.

Também foram pagos R$ 1.516,01 a outro promotor de Justiça por 1,5 diária devido ao deslocamento Três Lagoas – Campo Grande – Três Lagoas, em veículo particular, para participar da gravação do Curso de Direito Eleitoral promovido pela Escola Superior do Ministério Público.

Diversos processos de pagamento de diárias em sigilo também foram registrados, tendo como detalhamento só os valores finais, com base na Decisão nº 499, de 19.5.2020, no Processo PGJ/10/1564/2020. A tabela com os detalhamentos está na edição desta quarta-feira (15) do Diário Oficial do MP. Clique AQUI para conferir (a partir da página 7).