Política / Justiça

Em ação de concursados, Prefeitura diz ter tempo para convocar

Vinte e dois aprovados entraram com ação

Jessica Benitez Publicado em 21/06/2017, às 14h00

None

Vinte e dois aprovados entraram com ação

Em ação de concursados, Prefeitura diz ter tempo para convocar

ação judicial ingressada por 22 concursados

Além disso, classificou o argumento usado pelo grupo como “patético”. Na inicial a alegação é de que a Prefeitura promoveu contratação de 1.676 pessoas para a função, via Seleta e Omep. Mas, para o procurador municipal, Rosalindo Rodrigues Hoslbach, o fato sustentado “chega a ser patético ante a estrutura de um universo de pouco mais de 90 escolas municipais. Faltam com a verdade e lealdade processual”.

O procurador afirma que, conforme documentos anexados aos autos, existem muitos servidores, mas em nenhum caso observou-se a ocupação de cargo de monitor de alunos. “Existem sim cargos de Assistente Social, cozinheira, Atendente de Berçário, ASD, recreadora, auxiliar administrativo, vigia, coordenador, motorista, instrutor, psicólogo, cuidador, dentre outros tantos que podem ser observados às fls 84 e seguintes”, diz. (Foto Arquivo Midiamax)

Jornal Midiamax