O presidente da (Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul) Gerson Claro (PP) assinou nesta quinta-feira (15) que autoriza o governador (PSDB) a se ausentar do cargo, do Estado e do País por 20 dias.

A informação consta no Diário Legislativo da Casa de Leis e de acordo com a publicação, de 26 de dezembro de 2023 a 1º de janeiro de 2024, os trabalhos ficarão a cargo de Gerson Claro. Isso porque, o vice-governador Barbosinha (PP) não estará no Estado.

Já no período de 2 a 14 de janeiro de 2024 a função será desempenhada pelo vice-governador, com base nos termos da Constituição Estadual. O documento foi encaminhado para a Assembleia Legislativa no dia 7 de dezembro.

O pedido de autorização para o governador se ausentar do país foi votado em plenário na Assembleia.