Em discussão única, foi aprovado o Projeto de Resolução 529/23 na Câmara Municipal de Campo Grande, na sessão desta quinta-feira (3). A indicação da vereadora Luiza Ribeiro (PT) pretende acompanhar as obras da Rota Bioceânica em Campo Grande.

“Um espaço da Rota Bioceânica vai atingir regiões e territórios periféricos, como a região do Lageado, por exemplo”, pontuou a vereadora. Ainda segundo ela, na última segunda-feira (31) foi criado um comitê para acompanhar as obras da rota.

O corredor deve ligar Campo Grande até o Chile, passando por Paraguai e Argentina. Isso também deve incrementar a economia sul-mato-grossense.

Essa frente parlamentar proposta deve acompanhar as obras nas regiões que podem vir a sofrer impactos com as construções.

Ainda conforme detalhado pelo projeto, um dos objetivos é acompanhar e analisar programas, projetos e atividades referentes aos aspectos econômico e logístico da implantação e operacionalização da Rota.

A Frente será composta pela vereadora Luiza Ribeiro, autora do projeto, e pelos vereadores Carlos Augusto Borges, Carlão (PSB), presidente da Casa de Leis, Otávio Trad (PSD), Claudinho Serra (PSDB), Betinho (Republicanos), Papy (Solidariedade), Junior Coringa (PSD), Beto Avelar (PSD) e William Maksoud (PTB).