Política

Após dois anos, Jovem Senador abre vagas para estudantes de MS e outros estados

Programa foi interrompido por dois anos devido à pandemia

Dândara Genelhú Publicado em 07/01/2022, às 16h37

As inscrições para o programa vão até 18 de março.
As inscrições para o programa vão até 18 de março. - Foto: Reprodução | Agência Senado.

Jovens de Mato Grosso do Sul e outros 26 estados podem se inscrever para as vagas de Jovem Senador. O programa foi retomado com a edição de 2022 após dois anos de interrupção devido à pandemia.

Para concorrer ao cargo mirim, os estudantes de escolas públicas estaduais do ensino médio devem escrever uma redação. Neste ano, o tema é: 200 anos de Independência: lições da história para a construção do amanhã.

As inscrições já estão abertas e vão até 18 de março. O programa foi criado em 2010 e funciona em duas fases, sendo a primeira uma seleção nas secretarias de Educação.

Três redações são escolhidas para representar cada estado. Na segunda etapa, uma comissão julgadora formada por servidores do Senado, do Ministério da Educação e do Conselho Nacional de Secretários de Educação seleciona os 27 representantes estaduais.

Assim, os jovens autores ganham uma viagem para Brasília para vivenciar o processo de discussão e elaboração das leis do país. A experiência está prevista de 27 de junho a 1 de julho.

Confira o calendário previsto para a edição de 2022:

• Entrega das redações na escola: até 18/3

• Seleção dos finalistas estaduais: até 18/4

• Anúncio dos 27 Jovens Senadores selecionados: 6/5

• Anúncio pelo Senado do vencedor do Concurso de Redação: 11/5

• Semana de Vivência Legislativa: 27/6 a 1º/7

Jornal Midiamax