Política

Família prepara velório de Jamil Name, que deve acontecer na terça-feira em MS

Familiares tentam liberação do corpo ainda nesta segunda-feira

Renata Volpe Publicado em 28/06/2021, às 09h08

Jamil Name morreu aos 82 anos, vítima de complicações da Covid-19
Jamil Name morreu aos 82 anos, vítima de complicações da Covid-19 - Divulgação

A família de Jamil Name, morto em decorrência de complicações pela Covid-19 no último domingo (27), está preparando o traslado do corpo para Campo Grande, que está em Natal, Rio Grande do Norte. 

Ainda não há informações de onde será o velório e enterro de Name. De acordo com o advogado de defesa, Félix Nunes da Cunha, o corpo de Jamil Name deve ser trazido ainda nesta segunda-feira (28) para Campo Grande. “A família está tentando trazer o corpo que está em Natal, mas vai ser difícil, são mais de 3 mil quilômetros de distância”.

O velório deve acontecer na terça-feira (29). Nas redes sociais, ainda no domingo (27), o deputado estadual Jamilson Name (sem partido) emitiu nota de pesar lamentando a morte do pai. “Esta é uma dor sem descrição. Meu pai se foi. Jamil Name: ele, que me ensinou os primeiros passos na vida, um exemplo de pessoa generosa, que jamais fechava a porta da sua casa (que estava sempre aberta para ajudar), dar uma palavra amiga, acolher, seu coração era admirável!”.

Jamilson lembrou na nota que o pai estava internado desde maio em Mossoró (RN), onde estava preso desde setembro de 2019 na Penitenciária Federal da cidade. Ele era investigado na Operação Omertà, acusado de supostamente chefiar uma organização criminosa especializada em execuções.

Advogado Félix Nunes da Cunha 

Jornal Midiamax