Política

Câmara vota mudança na Guarda e programa de microcrédito que prevê R$ 4 milhões

Sessão presencial está prevista para 9h

Mayara Bueno Publicado em 05/08/2021, às 07h06 - Atualizado às 07h23

Vereadores na primeira sessão do segundo semestre na Câmara Municipal de Campo Grande
Vereadores na primeira sessão do segundo semestre na Câmara Municipal de Campo Grande - (Foto: Marcos Ermínio, Jornal Midiamax)

Dois projetos de lei estão pautados para votação nesta quinta-feira (5), na Câmara Municipal de Campo Grande. Os vereadores retomaram as reuniões, desta vez, de forma presencial, mas com restrição de público e cuidados de biossegurança, a partir das 9 horas. 

Segundo a pauta, será analisada proposta sobre carreira, organização, plano de cargos, sistema remuneratório, regime de trabalho e os direitos da Guarda Civil Metropolitana de Campo Grande.

O projeto é da prefeitura. A principal mudança é a inclusão da possibilidade de atuação complementar, por parte dos guardas, em fiscalizar a qualidade dos produtos e serviços oferecidos no mercado de consumo.

Outra medida é a criação de programa municipal de microcrédito popular, chamado programa Avançar, também apresentado pelo município — serão reservados R$ 4 milhões do orçamento.

A finalidade é fazer inclusão social produtiva, desenvolvimento sustentável, geração de emprego e renda entre os empreendedores individuais, formais ou informais, microempresas e cooperativas, por meio de concessão de microcrédito e capacitação empreendedora.

Jornal Midiamax