Política

Assembleia de MS lamenta morte do ex-deputado Ary Rigo e decreta luto por três dias

Ex-parlamentar faleceu nesta quinta-feira (30) após parada cardiorrespiratória

Dândara Genelhú Publicado em 30/09/2021, às 16h01

Ary ficou por 24 anos na Casa de Leis de Mato Grosso do Sul.
Ary ficou por 24 anos na Casa de Leis de Mato Grosso do Sul. - Foto: Reprodução | Alems.

Nesta quinta-feira (30), a Alems (Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul) publicou nota lamentando “com profundo pesar” o falecimento do ex-deputado estadual Ary Rigo. Devido à morte do ex-parlamentar de 74 anos, a Casa de Leis decreta luto de três dias.

O ex-parlamentar ficou em coma induzido após queda no último domingo (26) e faleceu no início da tarde desta quinta-feira (30) por parada cardiorrespiratória. Ary Rigo foi eleito deputado por seis mandatos em MS e chegou a ser presidente da Casa de Leis.

Também foi vice-governador e chefe da Casa Civil na gestão do ex-governador Pedro Pedrossian. A Alems destacou que Ary foi um dos 18 deputados constituintes eleitos em 1979, participando da instalação de MS, da Assembleia Constituinte e da elaboração da primeira Constituição do Estado.

Em 30 de agosto, Ary Rigo participou de uma entrevista com a TV ALEMS. Ele fez parte do documentário sobre os 25 anos da TV da Casa de Leis.

“Essa foi sua última entrevista. A criação da TV Assembleia é um dos legados deixados pelo ex-deputado. Foi durante sua gestão como presidente da Casa de Leis que a televisão foi inaugurada”, lembrou a Alems em nota.

Entre os deputados que publicaram notas de pesar sobre o falecimento, está o atual presidente da Casa de Leis, deputado Paulo Corrêa (PSDB). “Seu nome ficará marcado na história da Assembleia Legislativa e do Estado de Mato Grosso do Sul”, afirmou.

Jornal Midiamax