Política

Após pedido de vista, projeto do Dia do Repórter Fotográfico Valdenir Rezende volta à Alems sem emendas

Projeto sofreu pedido de vista na sessão ordinária de 7 de outubro

None
Foto: Reprodução | Alems.

Nesta quarta-feira (13), o deputado Lídio Lopes (Patriotas) devolveu o Projeto de Lei nº 258/2021, que institui o Dia Estadual do Repórter Fotográfico - Valdenir Rezende, à Alems (Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul). O projeto voltou sem emendas, após pedido de vista do próprio parlamentar.

O pedido aconteceu em 7 de outubro, quando Lídio e professor Rinaldo (PSDB) questionaram a forma de execução do projeto. “No meu entender e de outros colegas, a redação foi mal elaborada com relação ao projeto. Foi colocado apenas o Dia Estadual do Repórter Fotográfico - Valdenir Rezende. E sem que tivesse uma forma de homenageá-lo”, explicou.

Assim, o deputado afirmou que pediram vista porque entendem que “só o dia do repórter, poderia ser um dia que passaria, incólume”. Então, acredita que a solução seria acrescentar “uma homenagem para as pessoas fossem homenageadas com aquela honraria Valdenir Rezende”.

No entanto, comentou que “infelizmente não foi o entendimento do filho dele, que colocou uma matéria no seu face, dizendo que nós não queremos aprovar [o projeto], que pedi vistas para não homenageá-lo, que não conheço a história dele”.

O deputado considera que foi mal interpretado. “Então, nessa sessão, eu gostaria de devolver o projeto, sem nenhuma emenda”, disse. Ele afirmou ainda que o deputado Márcio Fernandes (MDB) está ciente da devolução.

“Ele também entendeu que houve um erro por parte de sua assessoria e ele vai pedir vista do projeto e promover essa emenda”, destacou.

Relembre

Na sessão de 7 de outubro, em primeira discussão os deputados votaram o Projeto de Lei nº 258/2021, de autoria de Márcio Fernandes (MDB), que institui em MS o "Dia Estadual do Repórter Fotográfico - Valdenir Rezende". O deputado Lídio Lopes (Patriotas) questionou o nome do dia, afirmando que a melhor opção seria manter apenas ‘Dia Estadual do Repórter Fotográfico’.

Então, o professor Rinaldo (PSDB) concordou e sugeriu uma alternativa. “Acredito que podemos criar uma medalha com o nome do fotógrafo”. No entanto, o presidente da Alems, deputado Paulo Corrêa (PSDB) afirmou que a solução seria a criação de um diploma. Logo em seguida, a discussão em torno do projeto foi encerrada, com pedido de vistas.

Jornal Midiamax