Política

Ainda ‘debilitado’, prefeito de Ivinhema recebe alta e segue em isolamento domiciliar

Juliano Ferro (DEM), prefeito de Ivinhema, teve alta médica após passar dois dias internado em leito de UTI do Regional de Nova Andradina.

Jones Mário Publicado em 22/01/2021, às 14h42

Juliano Ferro, prefeito de Ivinhema (Foto: Reprodução/Facebook)
Juliano Ferro, prefeito de Ivinhema (Foto: Reprodução/Facebook) - Juliano Ferro, prefeito de Ivinhema (Foto: Reprodução/Facebook)

O prefeito de Ivinhema Juliano Ferro (DEM) recebeu alta médica hoje (22), após passar dois dias internado em leito de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital Regional Francisco Dantas Maniçoba, em Nova Andradina. Ele está com covid-19 e seguirá em isolamento domiciliar.

Publicação nas redes sociais do prefeito afirma que a fase mais crítica da infecção já passou. Porém, Ferro segue “debilitado e em repouso”.

Com febre e dificuldades para respirar, o democrata precisou ser transferido para a UTI na quarta-feira (20). Já ontem, apresentou melhora do quadro de falta de ar e seus índices de saturação de oxigênio no sangue também evoluíram.

Além dele, sua esposa, a filha e uma sobrinha também testaram positivo para covid-19. O prefeito tem 38 anos e perdeu o pai para a doença este ano. No último sábado (16), bastante consternado, ele fez uma transmissão ao vivo e alertou para os perigos da pandemia.

Ainda na quarta (20), a prefeitura de Ivinhema decretou estado de calamidade pública. A cidade está sob toque de recolher, das 22h às 5h. Além disso, o consumo de bebidas alcoólicas em vias públicas ou qualquer estabelecimento está proibido até o início de fevereiro.

Jornal Midiamax