Política

Justiça eleitoral de Corumbá lacra urnas em dias diferentes

A  Justiça Eleitoral de Corumbá realiza o procedimento de lacração das urnas em dois dias diferentes. Primeiro, nesta 5ª feira, dia 16 de setembro, serão as máquinas destinadas aos eleitores da 7ª zona eleitoral que passarão pelo procedimento que garante a lisura do processo democrático. Já no dia 27, uma segunda-feira, será a vez das […]

Arquivo Publicado em 14/09/2010, às 14h04

None

A  Justiça Eleitoral de Corumbá realiza o procedimento de lacração das urnas em dois dias diferentes. Primeiro, nesta 5ª feira, dia 16 de setembro, serão as máquinas destinadas aos eleitores da 7ª zona eleitoral que passarão pelo procedimento que garante a lisura do processo democrático. Já no dia 27, uma segunda-feira, será a vez das urnas da 50ª zona eleitoral, que compreende eleitores de Corumbá e Ladário.


A lacração é passo importante do processo eleitoral, pois garante inviolabilidade ao sistema de votação eletrônica. Além de receber o lacre físico, a urna eletrônica é lacrada digitalmente, após receber uma assinatura digital, que assegura a autenticidade do programa, ou seja, confirma que o programa tem origem oficial e foi gerado pelo TSE. Os procedimentos de colocação dos lacres são abertos à população e acontecerão na sede do Cartório Eleitoral de Corumbá, localizada na rua Duque de Caxias, nº 45, bairro Nossa Senhora de Fátima, a partir das 07 horas.


Corumbá tem duas zonas eleitorais, a 7ª que atualmente é presidida pelo juiz Eduardo Eugênio Siravegna Junior. Ela reúne 40.541 eleitores distribuídos em 138 seções e 39 locais de votação. A 50ª, que aglutina Ladário, é comandada pela juíza May Melke Amaral Penteado Siravegna. São 38.903 eleitores nas duas cidades, em 123 seções e 32 locais de votação.

Jornal Midiamax