Polícia / Trânsito

Motociclista atropelado por motorista de caminhão sem CNH teve fratura exposta e está na Santa Casa

Ele aguarda resultado dos exames e estado de saúde não é considerado grave

Danielle Errobidarte Publicado em 23/10/2021, às 12h42

None
(Foto: Marcos Ermínio - Jornal Midiamax)

O motociclista, de 24 anos, atropelado por um caminhoneiro sem habilitação, teve fratura exposta na perna esquerda e luxação no ombro direito. Ele foi transferido para a Santa Casa e aguarda atendimento no pronto socorro.

Conforme informado pela assessoria de imprensa do hospital, ele também teve hematoma na região da face, no lado direito, e está consciente e comunicativo. O motociclista também não precisou de aparelhos para respiração e aguarda para fazer exames laboratoriais e de imagem.

Após o resultado dos exames, ele deve ser avaliado por especialistas para determinar os próximos passos da recuperação. Segundo consta no boletim de ocorrência, o Corpo de Bombeiros afirmou que a vítima teve fratura exposta no membro inferior esquerdo e suspeita de fratura de face. O motorista do caminhão vai responder por lesão corporal culposa ao volante.

Câmeras de segurança

Um vídeo mostra o momento em que o passageiro cai do veículo após acidente. O motorista do caminhão teria entrado em pânico, quando fugiu. Ele não tinha CNH (Carteira Nacional de Habilitação).  A queda ocorreu em frente a uma empresa de venda de côcos.

Na hora da queda, pessoas foram até o rapaz para socorrê-lo. Porém, ele logo se levantou e correu até o caminhão. “Quando ele entrou na rua da nossa empresa, quase bateu no nosso caminhão. Ele virou muito rápido. O cara caiu e fomos socorrer, mas ele levantou, mesmo machucado e correu pro caminhão. Pensei: ‘Eles fizeram coisa errada’”, relata o comerciante Thales Franco Soares, de 33 anos.

O comerciante ainda conta que entrou no carro e seguiu o caminhão. Ele logo se deparou com policiais e pediu ajuda. “A gente foi seguindo eles. Encontramos a polícia logo em seguida e fomos atrás dele”.

Condutor diz que fugiu por medo

O motorista do caminhão foi interceptado depois de fugir do local do acidente envolvendo um motociclista. O condutor não tinha CNH (Carteira Nacional de Habilitação) e afirma que teve medo de ser linchado.

Conforme relatos, o acidente aconteceu na avenida Joaquim Murtinho no cruzamento com a rua José Antônio, na região central da cidade. Na hora, o caminhão descia a José Antônio sentido Fernando Corrêa da Costa e avançou o sinal, enquanto o motociclista seguia na Joaquim Murtinho sentido Ceará.

Com o acidente, o condutor relata que ficou em choque e com medo de ser linchado. O motorista, de 37 anos, segue para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário). Já o passageiro será levado para a unidade de saúde, pois está com uma lesão no braço.

Jornal Midiamax