Polícia / Trânsito

Identificado motorista que fugiu após atropelar e matar mãe e filha em rodovia

Há mandado de prisão contra ele

Renata Portela Publicado em 03/11/2015, às 15h28

None
acidente_nova.jpg

Há mandado de prisão contra ele

Na manhã desta terça-feira (3), a Polícia Civil de Nova Andradina pediu, junto ao Poder Judiciário, a prisão temporária de Odenir Rodrigues dos Santos, de 38 anos. Ele é apontado pela polícia como o motorista que conduzia a Silverado e se envolveu em acidente na MS-134, no domingo (1º). Roselene Temóteo Nascimento, de 44 anos, e Máyra Temóteo Carvalho, de 20 anos, morreram após serem atingidas pela caminhonete.

A Polícia Civil conseguiu identificar o motorista, que abandonou a Silverado no local do acidente. O delegado que cuida do caso trabalhava com a hipótese de que Odenir poderia se apresentar à polícia, acompanhado de um advogado. Como ele não procurou a delegacia até a manhã desta terça-feira, o delegado fez pedido de prisão temporária do suspeito.

Vítimas

De acordo com o site Nova News, Roselene Temóteo Nascimento, de 44 anos, era moradora de Santópolis do Aguapeí (SP), onde vivia com a filha, Máyra Temóteo Carvalho, de 20 anos, e o marido. Roselene se mudou para Nova Andradina para fazer um tratamento médico e Máyra estava na cidade visitando a mãe.

O acidente

Na noite deste domingo, por volta das 21h, as mulheres seguiam pela MS-134 na Honda Biz, quando foram atingidas pela caminhonete Silverado, conduzida por Odenir Rodrigues dos Santos, que teria invadido a pista contrária. Mãe e filha morreram no local após a colisão e o motorista fugiu, abandonando o veículo.

Testemunhas relataram que Odenir estaria em visível estado de embriaguez. Algumas pessoas disseram também que o motorista teria sido visto ingerindo bebidas em um bar, nas margens da MS-134.

Jornal Midiamax