Polícia / Trânsito

Acidente mata condutor na Avenida Duque de Caxias

Acidente ocorreu por volta das 19h30 na colisão de um uno e uma Hilux

Midiamax Publicado em 19/02/2015, às 00h40

None
20150218_201707.jpg

Acidente ocorreu por volta das 19h30 na colisão de um uno e uma Hilux

O choque entre dois veículos fez uma vítima fatal no cruzamento da Av. Prefeito Lúdio Martins Coelho com a Avenida Duque de Caxias, na região oeste de Campo Grande. A acidente ocorreu com a colisão de uma Hilux cor prata, placas NSO-0942, e um Uno cor verde, placas HQU-1950. 

O condutor do Uno chegou a ficar preso nas ferragens, mas foi retirado do carro sem a utilização de um desencarcerador pelo socorro conforme contou o soldado Alves da Polícia Militar. Martinho que dirigia o carro, faleceu com o acidente aos 67 anos. Ele vinha na Avenida Duque de Caxias e tentava acessar a Avenida Prefeito Lúdio Martins Coelho, quando foi interceptado pela Hilux na sua lateral direita. 

Depois da colisão e ter sido atendido pelo SAMU tentou-se a reanimação dele, que não resistiu a pancada no tórax e na cabeça com a batida, segundo informações com o Sargento Adnei do Corpo de Bombeiros, que atendeu a ocorrência.

Na Hilux o condutor e o passageiro não apresentaram ferimentos, devido a ação do air bag de segurança, acionado com o choque dos veículos. Alan, que conduzia a caminhonete, não quis dar declaração sobre o acidente à reportagem, nem o colega que estava no veículo. O limite de velocidade da via é de 50 Km/h, e pode ter sido violado pela distância que os carros percorreram depois da colisão, em torno de 15 metros. 

“Sempre nesse horário das 19h00 fica nesse cruzamento uma viatura de trânsito da Polícia Militar, e hoje justamente não tinha. É uma via nova, bem sinalizada mas que infelizmente tem ocorrido vários acidentes. Nesse se tem alguém passando na ciclovia poderia ser alvejado, algo que seria até fatal”, diz a ciclista Mara Lúcia que usa a ciclovia da Avenida Duque de Caxias todos os dias. 

Jornal Midiamax