Um policial, de 33 anos, foi preso pela Derf ( Especializada de Repressão aos Roubos e Furtos) após ameaçar e extorquir comerciantes em Campo Grande, nessa terça-feira (23).

O homem chegava no comércio e se apresentava como policial civil, inclusive com uma carteira funcional em mãos. Ele afirmava que iria fiscalizar o comércio e ameaçava os comerciantes, exigindo dinheiro para que não autuasse o comércio.

Uma das vítimas foi até a polícia registrar boletim de ocorrência relatando os fatos e relatou que o falso policial teria roubado dinheiro do caixa do estabelecimento. 

Conforme vídeo, registrado por câmeras de segurança e divulgados pela Polícia Civil, o criminoso chega no comércio e logo apresenta a carteira. Em seguida, ele guarda no bolso e vai para o caixa dar início a ‘fiscalização'.

Então, a investigação analisou imagens de câmeras de segurança e conseguiu identificar o homem, preso em flagrante casa no Aero Rancho. Na casa, as e a carteira funcional usada pelo criminoso foram apreendidas. 

Durante a prisão, mais dois comerciantes foram até a delegacia e relataram terem sido vítimas do mesmo falso policial.

Depois de preso, o homem prestou depoimento e confessou que se passava por policial para causar constrangimento nas vítimas e ameaçá-las. Ainda disse que exigia dinheiro dos comerciantes para que não ‘autuasse' o comércio e, quando não pagavam, ele mesmo retirava o dinheiro dos caixas a força.

O caso foi registrado como roubo e a polícia solicitou a prisão preventiva do suspeito. 

Contudo, essa não é a primeira vez que o criminoso se passa por policial. No último dia 12, ele foi capturado após também se passar por policial civil e exigir indevidas vantagens econômicas às vítimas, alegando que elas estariam sendo investigadas por suposto contrabando de cigarro, em Dourados.

Além desse crime, o homem possui diversas passagens pela polícia.