Lourival Máximo da Fonseca, de 56 anos, conhecido como ‘Tião’, considerado um dos maiores narcotraficantes do Brasil, foi preso na cidade de San Rafael de Velasco, na Bolívia, nesta quinta-feira (15).
A cidade onde ele foi preso fica a aproximadamente 500 quilômetros de . Natural de Recife (PE), Lourival já foi recapturado em após fugir da Bahia, segundo o Ministério da Justiça.

Foragido desde 2020, Tião está na lista dos 21 mais procurados pelo Ministério da Justiça. Ele foi preso pela Polícia Nacional da Bolívia após uma abordagem. Houve troca de tiros durante a prisão, entre policiais bolivianos e suspeitos.

Ainda de acordo com o MJ, Lourival atua na região sudeste com tráfico, lavagem de e tráfico de armas desde a década de 1990. Ele também é investigado por oito homicídios realizados a mando da Bonde do Maluco, aliada do PCC.