A dona de uma tabacaria e seu comparsa tiveram a prisão preventiva decretada em audiência de custódia, nesta quinta-feira (2), em Campo Grande. A mulher ‘mapeava’ os lugares alvos do grupo. Um dos integrantes, conhecido como ‘Purunga’ está foragido. 

O Alexandre Antunes da Silva converteu a prisão em preventiva da dupla, onde alegou que “pela garantia da ordem pública, pela natureza do crime com ameaça e violência a pessoa e por outros registros criminais”.

A dupla foi presa momentos depois de cometer um roubo na cidade. Eles usavam o veículo Sandero do da mulher. O homem não sabia que o carro era usado para praticar crimes. 

Preso da Máxima arrumou comparsa

Em depoimento, a mulher confirmou os assaltos e também mais um que ainda não tinha sido registrado na delegacia. Os casos foram encaminhados para a Derf (Delegacia Especializada de Repressão a Roubos e Furtos).

Assim, ela revelou que conheceu um interno do Presídio de Segurança por um aplicativo de relacionamento. Nas conversas, contou que estava passando por problemas financeiros.

Isso porque, segundo ela, os clientes estão inadimplentes e ela acabou adquirindo dívidas. Então, foi decidido que cometeria assaltos e o preso conseguiu um comparsa para ela.

A prisão

As equipes estavam em patrulhamento por volta das 2 horas da madrugada de terça-feira (28), no Bairro Pioneiros, quando se depararam com um veículo Renault Sandero, sendo que o motorista foi identificado como Guilherme, de 22 anos.

Ele disse que havia acabado de deixar sua patroa na tabacaria, que era de sua propriedade, e que a mulher também estava envolvida nos roubos. Um terceiro, conhecido como ‘Purunga’, também estava envolvido nos crimes, sendo que ele era quem descia armado para fazer os assaltos.

Na tabacaria, os policiais localizaram os produtos do roubo – bolsa, dinheiro, celulares e cartões. Informações são de que a dona da tabacaria estaria com problemas financeiros e planejava os roubos usando o veículo do ex-marido, sem que ele soubesse dos crimes.

Foi descoberto que o grupo já tinha feito roubos na Avenida Bom Pastor e na Rua Spipe Calarge. 

Saiba Mais