Um garoto de 17 anos, com deficiência intelectual, foi resgatado nessa terça-feira (28), depois de ficar três dias abandonado em sua residência em . O adolescente foi encontrado deitado em um colchão. 

A polícia foi chamada para a casa, que fica no mesmo terreno de outras duas, por volta das 15h28 da tarde. Quando os militares chegaram, encontraram um dos moradores da residência dos fundos. O homem disse que o pai do garoto havia sido preso no domingo (26), e desde então, o adolescente estava sozinho.

O homem que chamou a polícia disse ser tio do garoto. Segundo ele, o adolescente teria ficado sob os cuidados de um primo, mas este rapaz seria usuário de drogas, teria saído e não retornado mais. Os policiais perceberam que a casa não tinha condições de sobrevivência.

O garoto estava deitado em um colchão extremamente sujo, assim como a casa que estava muito suja. O adolescente foi encaminhado para a DEPCA (Delegacia de à Criança e ao Adolescente).