Comerciante de Araçatuba de 50 anos, foi preso em São Paulo pela Polícia Civil de , por intermédio da DEDFAZ (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Defraudações, Falsificações, Falimentares e Fazendários), na última quarta-feira (6), após supostamente causar prejuízo milionário a diversos clientes com estelionato na venda de veículos.

A investigação se iniciou após uma das vítimas, moradora de Campo Grande, procurar a Polícia Civil informando ter caído em um golpe, aplicado pelo autor, relacionado a venda de dois veículos, somando prejuízos em torno de R$800 mil.

Ainda de acordo com a Polícia Civil, o homem anunciava veículos de alto padrão para compradores de diversas cidades do Brasil, solicitava o depósito do valor para “segurar” o carro e, posteriormente, sumia com o dos clientes – e não fazia a entrega dos veículos, conforme acordado.

Extensa ficha criminal

Conforme apurado pela DEDFAZ, o suspeito, nos últimos dois meses, já acumulava mais de 30 boletins de ocorrência registrados contra si no Estado de São Paulo, principalmente em Araçatuba, onde o mesmo reside.

Com a reunião de provas e agravantes em desfavor do comerciante, após a representação feita pela Autoridade Policial ao Poder Judiciário, foi determinada a Preventiva do suspeito, que foi localizado e preso pelos policiais de Mato Grosso do Sul em um flat no Bairro Aclimação, em São Paulo/SP, e em seguida conduzido à DEDFAZ-MS para providências cabíveis.

Saiba Mais