O corpo do indígena Clelson Velasques Veron, de 32 anos, foi encontrado três meses após ser assassinado, em . Ele foi morto em outubro deste ano, mas seu corpo ainda não tinha sido encontrado.

O cadáver – encontrado nas imediações da Reserva Indígena na – já estaria em avançado estado de decomposição, segundo publicado no site Dourados News.

As buscas contaram com equipes do e Polícia Civil. Vale lembrar que o autor do assassinato foi preso no de outubro, semanas após o crime.

Clelson foi morto com barra de ferro

Ainda em outubro, a polícia prendeu um homem, de 47 anos, conhecido como ‘Guina', que confessou ter matado Clelson Velasques.

O autor, admitiu aos policiais que utilizou uma barra de ferro para cometer o crime, após uma bebedeira. Guina alegou que a vítima teve um relacionamento com sua irmã e seria abusivo com ela.

Ele admitiu ter levado o corpo de Clelson para uma fazenda entre Dourados e e jogado em uma valeta. Entretanto, por estar embriagado, não lembrava o local exato.