Uma travesti quebrou a cerca elétrica da Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) em Dourados e fugiu do local pelo telhado vizinho, após se recusar a descer de um veículo de aplicativo. O caso ocorreu na madrugada desta quinta-feira (19).

Conforme consta em boletim de ocorrência, motorista atendeu um chamado por volta das 23h, iniciando uma corrida na Rua Cuiabá, próximo a uma conveniência, com destino à rodoviária da cidade.

No meio do caminho, a passageira solicitou que o motorista parasse em uma república, próximo à praça Paraguaia, para buscar seu namorado. A solicitação foi atendida, entretanto, o rapaz não quis entrar no veículo e continuaram o trajeto.

Em seguida, a passageira se mostrou bastante alterada, e quando ele indagou sobre o pagamento, ela começou a se esquivar da resposta. Assim, o motorista solicitou que descesse do veículo, mas o pedido foi recusado.

O motorista então se deslocou até a frente da Depac e solicitou auxílio da equipe de plantão para retirar a passageira de seu veículo.

Depois de insistir, conforme ocorrência, a equipe plantonista teve que usar gás de pimenta. A partir daí, a passageira saiu do veículo e começou a correr em direção aos policiais.

Ela foi até o quintal da delegacia, quebrou a cerca elétrica e fugiu pelo telhado de um imóvel vizinho. Alguns pertences dela ficaram na delegacia. Por volta das 3h, ela retornou voluntariamente até a Depac. O caso foi registrado como perturbação do sossego, crime contra o patrimônio e resistência.