O homem de 41 anos identificado como Rodrigo Frutuoso, morto em confronto policial na tarde desta quinta-feira (17), teria tentado matar a própria esposa. O caso aconteceu em Ivinhema, a 291 quilômetros de Campo Grande.

A princípio, o suspeito atirou contra a mulher três vezes, após não aceitar um pedido de separação. A vítima então correu e pediu socorro, afirmando que o marido estava sob efeito de álcool e drogas.

Polícia Civil foi acionada e equipe do SIG (Setor de Investigações Gerais) foi ao local. O suspeito ainda estaria atirando no quintal da casa, dizendo que mataria a mulher.

Assim, os policiais fizeram a abordagem, mas Rodrigo correu para dentro da casa e pegou uma arma de fogo. Ele teria atirado ao menos quatro vezes contra os policiais, conforme o site Ivi Agora.

Os disparos foram revidados e o homem acabou atingido. Corpo de Bombeiros foi acionado, mas Rodrigo não resistiu aos tiros. Polícia Militar e Perícia também foram ao local e, além da arma, porções de crack foram encontradas na casa.

O caso é tratado como tentativa de homicídio contra autoridade policial e homicídio decorrente de oposição à intervenção policial.