Homem de 26 anos é vítima de execução a tiros de fuzil na fronteira de MS

Ele trabalhava quando foi atacado
| 09/02/2022
- 21:53
Adilson foi executado na fronteira
Adilson foi executado na fronteira - (Divulgação)

Adilson Arrua Galeano, 26 anos, foi vítima de execução nesta quarta-feira (9), em (PY), cidade na fronteira com Ponta Porã, a 346 quilômetros de Campo Grande. Ele trabalhava quando foi surpreendido pelos atiradores.

Conforme as primeiras informações da polícia, Adilson trabalhava em um lava-jato no Bairro Cerro Cora’i, quando ocupantes de um Toyota Fortuner chegaram atirando. Foram feitos vários disparos de fuzil contra a vítima.

O rapaz ainda foi socorrido e levado ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos.

Veja também

Outros três filhos da condutora, menores de idade, estavam na casa sem os cuidados de um adulto

Últimas notícias